Ouça agora na Rádio

Ouça agora

Boa Vista da Aparecida intensifica Campanha de Vacinação Contra Sarampo

Boa Vista da Aparecida intensifica Campanha de Vacinação Contra Sarampo

Postado em 28 de maio de 2020 por

Compartilhe agora
Assessoria BV

O Governo Municipal de Boa Vista da Aparecida, por meio da Secretaria de Saúde, realiza a primeira etapa de reforço da Campanha de Vacinação Contra o Sarampo, que será de 7 a 25 de outubro. Nestas datas, serão vacinadas crianças de seis meses a menores de cinco anos (4 anos, 11 meses e 29 dias) em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs).

Segundo a Secretaria de Saúde, esta será uma vacinação seletiva, com o objetivo de completar as doses que faltam e vacinar aqueles que nunca se imunizaram.

A enfermeira Daniela Ferreira Dutra, coordenadora de imunização, lembra que nessa campanha os pais e responsáveis são atores sociais importantes no processo de controle dessa doença e devem comparecer aos serviços de vacinação levando a caderneta de vacinação para avaliação e registro.

O que é sarampo?

Segundo o Ministério da Saúde, o sarampo é uma doença infecciosa aguda, de natureza viral, grave, transmitida pela fala, tosse e espirro, e extremamente contagiosa, mas que pode ser prevenida pela vacina. Pode ser contraída por pessoas de qualquer idade.

As complicações infecciosas contribuem para a gravidade da doença, particularmente em crianças desnutridas e menores de um ano de idade. Em algumas partes do mundo, a doença é uma das principais causas de morbimortalidade entre crianças menores de cinco anos de idade.

Em 2016, o Brasil recebeu da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) o certificado de eliminação da circulação do vírus do sarampo. Atualmente, o país enfrenta dois surtos de sarampo, em Roraima e Amazonas. Além disso, alguns casos isolados e relacionados à importação foram identificados em São Paulo, Rio Grande do Sul, Rondônia e Rio de Janeiro.

Sintomas

– Febre alta, acima de 38,5°C;

– Dor de cabeça;

– Manchas vermelhas, que surgem primeiro no rosto e atrás das orelhas, e, em seguida, se espalham pelo corpo

– Tosse;

– Coriza;

– Conjuntivite;

– Manchas brancas que aparecem na mucosa bucal conhecida como sinal de koplik, que antecede de 1 a 2 dias antes do aparecimento das manchas vermelhas.

A segunda etapa da campanha será de 18 a 30 de novembro, e tem como público alvo, adultos de 20 a 29 anos de idade, devido ao número de casos confirmados nessa faixa etária serem expressivos.

 

Assessoria BV

Link da Notícia

Deixe um comentario

Estamos felizes por você ter optado por deixar um comentário. Lembre-se de que os comentários são moderados de acordo com nossa política de comentários.