Ouça agora na Rádio

N Notícia

Encerramento do curso de pintura e bordado conta com atividades diferenciadas em Boa Vista da Aparecida.

FOTO: Assessoria Prefeitura

Encerramento do curso de pintura e bordado conta com atividades diferenciadas em Boa Vista da Aparecida.

Na tarde desta quarta-feira (06), foi realizado, no Clube da Terceira Idade, o encerramento do curso de pintura e bordado em pano de prato, o primeiro deste ano ofertado pela Ação Social de Boa Vista da Aparecida através do PAIF (Programa de Apoio Integral à Família).

Segundo a Secretária de Assistência Social, Zane Mieczikowski, durante o encerramento foi realizado uma palestra motivacional, sorteio de brindes, café da tarde diferenciado, promovendo a integração entre as participantes do curso e a equipe do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social). “Nós estamos fazendo o encerramento do curso de pintura pelo PAIF, dos panos de prato, e dando início também a um novo curso que iremos ter que será o de bordado em fitas em panos de rosto. Esse é o evento que nós temos o encerramento hoje. Hoje nós teremos brindes, sorteio com 25 brindes, além de cada uma levar o seu próprio trabalho efetuado”, destacou Zane.

Inês Vierczorquevecz, monitora de cursos, explica que o curso teve início há cerca de dois meses, com encontros quinzenais, atendendo mulheres da cidade e do interior. “Trabalhamos com a pintura em pano de prato, e depois fizemos o crochê. Trabalhamos no sítio, na comunidade São Sebastião, Linha Progresso, Distrito Flor da Serra, e com as meninas da cidade também”, afirma Inês.

Segundo ela, o material foi todo fornecido pela ação social. “Elas fizeram pano de prato, ganharam o pano de prato, tudo fornecido pela prefeitura. Elas gostaram muito, nós estamos encerrando esse curso com 70 mulheres e vamos começar o próximo curso, que é bordado em fita, com 110 mulheres. Então é positivo”, conta Inês.

Leila Mara Kubiaki, psicóloga da Ação Social, explica que os cursos oferecidos pela Ação Social através do PAIF visam a superação da vulnerabilidade e risco social dos usuários da política de assistência social de Boa Vista da Aparecida. “Nesses grupos nós temos, então, várias atividades que fazem com que a pessoa possa se desenvolver nos seus mais variados tipos”, explica Leila Mara.

Esses cursos atendem, como prioridade, aquelas famílias que são atendidas pela política de assistência municipal, que são as pessoas carentes, são aquelas que se encontram em risco de vulnerabilidade social, por isso têm direito de participar do PAIF. Segundo Leila Mara, caso tenha alguma família que venha passando por dificuldades, passará por avaliação, juntamente com a assistente social do CRAS e, se for necessário, será inserida nas atividades do programa.

          

FONTE: Assessoria Prefeitura
Link Notícia