NOTÍCIAS


Adolescente de Apucarana que morreu em briga após sair da escola é sepultado | Norte e Noroeste


Foi sepultado, nesta quinta-feira (23), o corpo de Alekson Ricardo Kongenski, de 13 anos. O jovem morreu na última terça (21), após ser agredido em uma briga depois de sair da escola. O caso aconteceu em Apucarana, no norte do Paraná.

O corpo do adolescente foi velado no bairro onde Alekson morava, e também onde morreu. Nesta quinta, a Polícia Civil disse que está tomando novos depoimentos para avançar com as investigações.

Uma tia do jovem, ouvida pela RPC e que pediu para não ser identificada, disse que Alekson tinha crise convulsivas e tomava remédios controlados.

Corpo de adolescente é sepultado em Apucarana

Corpo de adolescente é sepultado em Apucarana

Um vídeo gravado com um celular mostra o início da briga que terminou com a morte do jovem. O caso aconteceu em um praça do Bairro Jardim Ponta Grossa.

Nas imagens é possível ver que um adolescente empurra o outro, que revida com socos. Mas, em seguida a gravação foi interrompida. Assista abaixo.

O menino chegou a ser socorrido, mas morreu a caminho do Hospital da Providência, em Apucarana.

A família do adolescente disse que está abalada, e informou que Alekson havia saído da aula e estava voltando para casa. Uma equipe do Núcleo Regional de Educação esteve na residência dos familiares para prestar apoio.

Vídeo mostra início de briga que terminou com morte de adolescente, em Apucarana

Vídeo mostra início de briga que terminou com morte de adolescente, em Apucarana

De acordo com a Polícia Militar (PM), a suspeita é que Alekson tenha sido agredido por um estudante, mas outros cinco adolescentes, que têm entre 12 e 15 anos, também são investigados como envolvidos no caso, após serem identificados no local.

A PM informou que uma pessoa fazia massagem cardíaca na vítima quando a equipe chegou ao lugar da ocorrência.

Conforme a polícia, os envolvidos e a vítima estudavam no mesmo colégio, que fica perto do local do ocorrido. A briga ocorreu após o fim a aula, no período vespertino.

A Polícia Civil informou que investiga a motivação do crime. Na quarta (22), o delegado responsável pelo caso, Felipe Ribeiro Rodrigues, disse que ainda não tinha ouvido o principal suspeito de participar da briga, que tem 15 anos.

“Havia já uma certa desavença entre a vítima e um dos envolvidos. O autor veio em socorro desse adolescente que estaria sofrendo uma certa hostilidade por parte da vítima, e aí, por conta disso houve uma briga entre os dois”, afirmou.

De acordo com o delegado, a vítima caiu após sofrer um mal súbito, mas ainda é preciso aguardar o laudo do Instituto Médico-Legal (IML).

O delegado informou que os adolescentes devem responder pelos atos de forma culposa, quando não há a intenção de praticar, mas a decisão depende do que apontarem os laudos do caso, em relação à causa da morte da vítima.

“Se realmente se comprovar que a vítima morreu por conta de um mal súbito, por conta de uma comorbidade que era anterior ao que aconteceu e que não era de conhecimento dos demais envolvidos, a probabilidade é que nem por isso eles seja responsabilizados. Mas é muito prematuro ainda para dar qualquer certeza disso porque a investigação começou agora”, explicou.
Vítima foi agredida e morreu a caminho do hospital, em Apucarana — Foto: TNOnline/Imagem cedida

Vítima foi agredida e morreu a caminho do hospital, em Apucarana — Foto: TNOnline/Imagem cedida

O Colégio Padre José Canale, onde o adolescente estudava, suspendeu as aulas na quarta (22). A instituição disse que está colaborando com as investigações.

Colégio Padre José Canale, onde a vítima estudava, suspendeu as aulas nesta quarta-feira (22)  — Foto: Reprodução/RPC

Colégio Padre José Canale, onde a vítima estudava, suspendeu as aulas nesta quarta-feira (22) — Foto: Reprodução/RPC



Fonte: G1


23/06/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
MANHÃ 107