NOTÍCIAS


Casal é encontrado morto no oeste do estado; um dos corpos é de neto de idosa 75 anos morta em Realeza que estava desaparecido, diz polícia | Oeste e Sudoeste


Um casal foi encontrado morto entre Capitão Leônidas Marques e Boa Vista da Aparecida, ambas no sudoeste do estado, na sexta-feira (23). Conforme a Polícia Civil, as vítimas são Rafael Kauan Dobicz Koc, 20 anos, e Jaqueline Daros.

A polícia informou que Rafael é neto da idosa Amélia Koc encontrada morta na zona rural de Realeza na última segunda-feira (19). Além dela, o filho Elso Koc também foi encontrado morto em um galpão, amarrado, ao lado de outro irmão, de 49 anos, que está internado em estado grave desde a data dos crimes. Veja outros detalhes mais abaixo.

  • Idosa de 75 anos e filho são encontrados mortos em sítio em Realeza, diz PM
  • Polícia prende duas pessoas suspeitas de envolvimento na morte de idosa de 75 anos e filho, em Realeza

O jovem e a namorada estavam desaparecidos desde a data do crime. No inicio da semana a polícia afirmou que investigava se eles tinham ligação com os crimes ou se eram vítimas como os demais familiares.

A investigação trabalha com latrocínio, que é roubo seguido de morte, segundo o promotor de justiça coordenador do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Francisco Beltrão, Tiago Vacari.

Ele afirmou que o crime foi cometido por uma organização criminosa formada por três irmãos, com passagens pela polícia, e outras duas pessoas. No dia do crime eles levaram R$ 11 mil e o carro do jovem.

“O que sabemos até o momento, é que essa organização criminosa, que conta com três irmãos e outras duas pessoas, também já identificadas, foram até essa propriedade rural, roubaram R$ 11 mil que a idosa tinha feio de empréstimo, bem como o carro que era de propriedade do jovem que até então estava desaparecido”, afirmou o promotor.

Na quinta-feira (22) dois irmãos, um homem e uma mulher, foram presas em Cascavel, no oeste do estado, por envolvimento no crime. Segundo Tiago, a polícia chegou aos suspeitos através do veículo do jovem que foi roubado no dia do crime.

“Esse carro possivelmente foi levado para o Paraguai e nesse caminho foi identificado um segundo veículo que acompanha ele. Esse segundo carro foi encontrado em posse da irmã desse foragido”, afirmou Tiago.

O foragido mencionado por Tiago, é o terceiro irmão envolvido no crime que está foragido, assim como outras duas pessoas. Os nomes dos suspeitos não foram divulgados.

O promotor informou que o Gaeco investiga para saber se os criminosos sabiam do empréstimo da idosa ou se foram ao local aleatoriamente.

Uma idosa de 75 anos e o filho dela, de 54 anos, foram encontrados mortos em um sítio na zona rural de Realeza, na região sudoeste do Paraná. As informações são da Polícia Militar (PM).

Conforme o major da PM Anderson Figueiredo, uma equipe foi acionada após um familiar encontrar a idosa morta no banheiro na residência. Ele informou que havia muito sangue nos cômodos da casa.

Um pedaço de madeira foi encontrado próximo ao corpo da vítima. Segundo a polícia, o material provavelmente tenha sido usado para assassinar a mulher.

Ainda segundo o major, na residência já haviam sido atendidas outras ocorrências e a equipe sabia que havia mais moradores na casa.

Ao chegar em um galpão da propriedade, dois filhos da idosa estavam amarrados. Um deles já sem vida.

VÍDEOS: Mais assistidos g1 PR



Fonte: G1


24/09/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
CONEXÃO 107