NOTÍCIAS


Caseiro acusado de matar e roubar patrão no litoral do Paraná é condenado a 44 anos de prisão


Um caseiro acusado de ter matado e roubado o próprio patrão a tiros, em Matinhos, no litoral do Paraná, foi condenado a 44 anos de prisão pela Justiça. A sentença condenatória contra Thiago Leal de Barros foi publicada na terça-feira (25).

Maruan Majid tinha 52 anos e foi morto a tiros em junho de 2021, no momento em que chegava em casa com a namorada. O empresário foi dono das lojas Xiquita, que vende artigos para crianças, em Curitiba.

Conforme a denúncia do Ministério Público do Paraná (MP-PR), Thiago se aproveitou da condição como caseiro para vasculhar a casa do empresário.

O MP-PR afirmou que o investigado foi surpreendido pela chegada do empresário e da namorada dele na casa, atirando contra o casal. A mulher ficou gravemente ferida, mas sobreviveu. Já Majid não resistiu aos ferimentos.

Ainda de acordo com a denúncia, foram levados da casa óculos, joias e aparelhos eletrônicos. O caseiro foi preso três dias depois do crime.

Thiago Leal de Barros foi condenado pelos crimes de latrocínio e tentativa de latrocínio, que é o roubo seguido de morte. A pena total é de 44 anos e três meses de reclusão em regime fechado.

O advogado da família de Maruan Majid disse estar satisfeito com a condenação e que buscará que a execução da pena seja feita nos rigores da lei.

O g1 tenta contato com a defesa de Thiago Leal de Barros.



Fonte: G1


26/01/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
MANHÃ 107