NOTÍCIAS


Com 53,19% dos votos, Caapuã é o nome da nova onça-pintada identificada no Parque Nacional do Iguaçu


Com 53,19% dos votos, Caapuã é o nome da nova onça-pintada identificada no Parque Nacional do Iguaçu. O nome de origem Tupi significa ‘aquele que vive no mato’. A onça é um macho, aparentemente jovem, de acordo com Projeto Onças do Iguaçu, que monitora a espécie no parque.

A votação ocorreu através de uma enquete pelo g1 Paraná. Veja vídeo acima para conhecer a nova onça-pintada.

De acordo com o programa, o animal nunca havia sido registrado no Parque Nacional do Iguaçu, no Brasil e nem no Parque Nacional Iguazú (Argentina).

“A presença de novas onças, de uma nova população que está crescendo, que está se reproduzindo, significa um habitat que tem todos os requerimentos que a espécie precisa pra sobreviver. Então, sempre, novos filhotes, novas onças registradas, é sempre um sinal de esperança na recuperação da espécie. Esperança de que a gente possa realmente conservar essa espécie tão ameaçada de extinção”, comenta a coordenadora do projeto, Yara Barros.

Nas imagens, capturadas por uma das 60 armadilhas fotográficas do projeto, espalhadas pelo parque, é possível ver o animal andando pela mata e cheirando uma árvore chamada peroba-rosa, que segundo Yara, é uma planta utilizada por outras onças-pardas e pintadas como arranhador. Veja vídeo acima.

As onças são identificadas por meio do padrão das manchas, que são únicas em cada animal, como se fosse uma impressão digital.

Vote para escolher o nome da nova onça-pintada do Parque Nacional do Iguaçu — Foto: Reprodução

Vote para escolher o nome da nova onça-pintada do Parque Nacional do Iguaçu — Foto: Reprodução

Onças no Parque Nacional do Iguaçu

O Projeto Onças do Iguaçu divulga há cada dois anos senso com o número de onças no parque. De acordo com dados divulgados em dezembro de 2021, referentes a 2020, estima-se que, em média, 24 onças-pintadas vivam no lado brasileiro do Parque Nacional do Iguaçu.

Em relação ao censo anterior, houve uma redução da estimativa – que era de 28 animais.

Mas, por ser uma estimativa, os biólogos afirmam que estatisticamente o resultado apresentado é de estabilidade. Em todo o corredor verde do parque, o número de onças é estimado entre 76 e 106, informou o censo.

Os dados sobre as onças são coletados por pesquisadores brasileiros e argentinos desde 2009. Em 12 anos, o número de onças na reserva quase dobrou.

Segundo o projeto, entre o Parque Nacional do Iguaçu (Brasil) e o Parque Nacional Iguazú (Argentina), a espécie saltou de uma população efetiva estimada em 50 indivíduos em 2008 para 90 indivíduos em 2016.

Por meio dos pontos de monitoramento entre Brasil e Argentina, foram coletadas 693 mil imagens, flagrantes que mostram como as onças se comportam longe da presença do homem.



Fonte: G1


28/01/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
AMOR SEM FIM