NOTÍCIAS


Ellen Jacqueline: quem era a influencer que teve o velório interrompido para investigação


O velório dela precisou ser interrompido para que o corpo fosse recolhido para novas investigações, a pedido da Polícia Civil. As autoridades receberam uma denúncia de que morte não tinha sido natural.

  • Ellen Jacqueline: o que se sabe sobre a morte da influencer que teve o velório interrompido para investigação

Ellen tinha dois filhos e era natural de Curitiba. Apesar disso, segundo um vídeo da própria influencer, ela morou grande parte da vida em Londrina.

A influenciadora tinha 46 mil seguidores no Instagram. Apesar disso, ela também tinha um canal no YouTube chamado “Mamãe Amsterdam”, que foi criado há oito anos, quando ela morava na Holanda.

No Youtube, Ellen começou a compartilhar dicas de maquiagem. Mais tarde, passou a fazer posts sobre o cotidiano e viagens. O último post do canal foi feito há um ano, com passagens dela pelo Brasil.

Já no Instagram, a influenciadora se definia como uma mãe que estava “vivendo uma maternidade a distância” e dizia que era especialista em marketing digital.

Na rede social, ela fazia posts sobre a rotina e também dava dicas de receitas e moda.

Velório é suspenso para apurar circunstâncias da morte de uma mulher, em Londrina

Velório é suspenso para apurar circunstâncias da morte de uma mulher, em Londrina

Ellen foi encontrada sem vida em um hotel, na segunda-feira (28). O corpo dela foi levado para o Instituto Médico-Legal (IML) e liberado para velório.

Durante a cerimônia, a polícia recebeu uma denúncia sobre a causa da morte da influenciadora. Em seguida, a Polícia Civil pediu para que o IML recolhesse o corpo novamente para a realização de um novo exame.

Segundo o IML, na primeira análise, nenhum indício de morte violenta havia sido encontrado no corpo de Ellen.

A perícia recolheu materiais, que foram encaminhados para a produção de um laudo com a causa da morte da influenciadora.

A Polícia Civil informou que instaurou um inquérito para apurar o caso e que requisitou um exame de necropsia, aguardando o resultado do laudo do IML.



Fonte: G1


30/03/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
CONEXÃO 107