NOTÍCIAS


Engorda da faixa de areia da praia de Matinhos: entenda como será a obra


Moradores e turistas que frequentam a praia de Matinhos, no litoral do Paraná, vão conviver com as obras de revitalização da orla pelos próximos 32 meses.

A primeira obra do pacote de intervenções é a dragagem, que deve ser concluída em novembro deste ano e resultará na engorda da faixa de areia da praia do município.

Segundo o governo estadual, parte da praia de Matinhos terá de 80 a 100 metros de areia após a conclusão da dragagem.

Toda a revitalização da orla é dividida em duas etapas. A primeira inclui, além da engorda, a construção de áreas de lazer e melhorias para evitar enchentes.

  • Veja as intervenções previstas para os próximos anos na cidade

O g1 preparou cinco perguntas e respostas para explicar como será a obra de dragagem. Veja abaixo.

  1. Quem fará a obra e quem fiscalizará?
  2. O que está previsto em cada etapa da obra?
  3. Como funciona a dragagem?
  4. Qual o valor e em quanto tempo a obra fica pronta?
  5. Como é o recrutamento de funcionários?
Praia de Caiobá, em Matinhos — Foto: Prefeitura de Matinhos

Praia de Caiobá, em Matinhos — Foto: Prefeitura de Matinhos

1- Quem fará a obra e quem fiscalizará?

A obra será feita pela empresa belga Jan De Nul, integrante do Consórcio Sambaqui.

  • Governo anuncia consórcio vencedor da licitação de recuperação da orla de Matinhos

A empresa é especialista em construção e manutenção de estruturas marítimas e foi a responsável pelas obras de engordamento da faixa de areia de Balneário Camboriú, em Santa Catarina.

A fiscalização ficará a cargo do Instituto Água e Terra (IAT).

2 – O que está previsto em cada etapa da obra?

Canteiro de obras ficará no Balneário Flórida, em Matinhos — Foto: Alessandro Vieira

Canteiro de obras ficará no Balneário Flórida, em Matinhos — Foto: Alessandro Vieira

Atualmente, a obra está na etapa de mobilização, quando chegam os materiais e máquinas ao canteiro de obras, no balneário Flórida, e os funcionários são contratados.

  • Primeiros equipamentos chegaram ao canteiro na segunda-feira (14)

Na fase de montagem, tubos de 12 metros serão conectados em duplas – totalizando 24 metros cada um – e inspecionados por ultrassom. Isso ocorrerá ainda no canteiro de obras.

Tubos que chegaram ao litoral têm 12 metros e serão conectados em duplas — Foto: RPC/Reprodução

Tubos que chegaram ao litoral têm 12 metros e serão conectados em duplas — Foto: RPC/Reprodução

Depois, esses tubos são levados à praia e conectados novamente até formarem um duto de 3 quilômetros na areia, chamado de “linha de recalque”.

Essa linha é levada para perto da água quando a maré estiver baixa. Quando a maré subir, uma das pontas será levada por um rebocador até alto-mar.

Após esse processo, começa a etapa de dragagem, prevista para julho.

3- Como funciona a dragagem?

Na dragagem, a linha de recalque é conectada à draga, embarcação que retira areia do fundo do mar. — Foto: Divulgação/IAT

Na dragagem, a linha de recalque é conectada à draga, embarcação que retira areia do fundo do mar. — Foto: Divulgação/IAT

A parte da linha de recalque que foi transportada para o alto-mar será ligada à draga, um tipo especial de embarcação que retira areia do fundo do mar.

Essa areia será transportada por dentro da linha de recalque até a praia, resultando na engorda. Veja na imagem acima.

A faixa de areia será aumentada entre os balneários Flórida e Caiobá.

4- Qual o valor e em quanto tempo a obra fica pronta?

Imagens do projeto mostram como é e como deve ficar a praia de Matinhos — Foto: Divulgação/Governo do Paraná

A previsão do IAT é que a engorda da faixa de areia fique pronta até novembro deste ano, antes da época de temporada.

A obra custará R$ 124,5 milhões, conforme informações do instituto.

5- Como é o recrutamento de funcionários?

A obra de revitalização da orla de Matinhos deve empregar cerca de 300 funcionários, de acordo com o IAT.

Deste total, 116 vagas na área administrativa já foram preenchidas com pessoas contratadas pelo Consórcio Sambaqui.

As 184 vagas restantes estão abertas na Agência do Trabalhador da cidade. Moradores do litoral do Paraná têm prioridade na contratação.

A unidade fica localizada na Avenida Juscelino Kubitscheck de Oliveira – 975, no Centro.

  • Pedreiro
  • Servente
  • Operador de máquina
  • Zelador
  • Motorista
  • Almoxarifado
  • Manutenção de edificações

g1 PR: vídeos mais assistidos

* Com colaboração de Lucas Ravel, assistente de produtos digitais do g1 PR.



Fonte: G1


18/03/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
ROTA SERTANEJA