NOTÍCIAS


Justiça aceita denúncia contra motorista envolvido em acidente que matou motociclista, em Londrina


O acidente aconteceu em setembro de 2021, na Rua Quintino Bocaiúva. À época, o motorista admitiu ter consumido bebida alcoólica antes de dirigir, conforme o Ministério Público.

Segundo o MP-PR, na moto atingida estava Ana Claudia Gil Gomes e o namorado dela. Ambos ficaram feridos, mas ela foi internada e morreu no hospital.

A decisão é de segunda-feira (14). Agora, o réu João Rubens Coloniezi responde em liberdade na ação criminal.

No dia do acidente a Polícia Militar (PM) também informou que, durante o atendimento, o motorista agrediu um cinegrafista de um canal de televisão que acompanhava a ocorrência.

Motociclista morreu em acidente com motorista embriagado, em Londrina — Foto: RPC/Reprodução

Motociclista morreu em acidente com motorista embriagado, em Londrina — Foto: RPC/Reprodução

Neste caso, a promotoria entendeu que foi um acidente de trânsito com o ferimento de um ocupante da moto e a morte da Ana Claudia. Por isso, se condenado, a pena por morte no trânsito é de 4 anos de prisão.

O processo está no começo, e advogados ainda podem tentar levar o caso para o Tribunal do Júri, para tentar uma pena maior. Ainda não há prazo para o julgamento.

De acordo com o advogado de defesa, Alfeu Brassarotto Júnior, o motorista nunca teve a intenção de matar ninguém, e foi pego em uma situação de surpresa na ocasião do acidente.

Não há nenhum indício de que Coloniezi tenha agido com dolo, segundo o advogado.



Fonte: G1


15/02/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
ROTA SERTANEJA