NOTÍCIAS


Levantamento aponta alto risco de infestação do mosquito da dengue, em Londrina


Um levantamento feito pela prefeitura de Londrina, no norte do Paraná, aponta que a cidade corre alto risco de infestação do mosquito Aedes aegypti, que é responsável pela transmissão da dengue e outras doenças. O balanço foi divulgado nesta quarta-feira (27).

Segundo a pesquisa, cinco em cada 100 residências apresentaram focos do mosquito, o que deixou o índice em 5,51%. O aceitável pela Organização Mundial da Saúde (OMS) é de até 1%.

  • Com mais 49 casos confirmados da dengue, Paraná chega a 722 diagnósticos, aponta boletim

O levantamento mostrou ainda que 91% das larvas do mosquito estavam em objetos jogados no quintal, vasos com plantas ou recipientes que armazenaram água da chuva. Menos de 10% dos focos estavam em objetos dentro da casa.

Ao todo, mais de 10 mil imóveis foram inspecionados pelos agentes da Coordenação de Endemias de Londrina. A prefeitura informou que o maior índice de infestação foi encontrado na região Norte. Confira a seguir:

  • Zona Norte: 6,35%
  • Região Central: 4,82%
  • Região Sul: 5,92%
  • Região Leste: 5,92%
  • Região Oeste: 4,56%

Neste ano, segundo a prefeitura, um caso de dengue foi confirmado em Londrina. Entretanto, o município tem mais de 500 casos suspeitos.

Desde agosto de 2021, o Paraná soma 722 casos confirmados de dengue, seis casos confirmados de Chikungunya e nenhum de Zika vírus. Não há registro de mortes.



Fonte: G1


27/01/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
NATIVO E SERTANEJO