NOTÍCIAS


Orçamento de mais de R$1,3 bilhão é aprovado pela Câmara de Foz do Iguaçu para 2022


Os vereadores de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, aprovaram na manhã deste domingo (19) a Lei Orçamentária Anual (LOA) para 2022, que prevê mais de R$ 1,3 bilhão.

O orçamento é 16% maior em comparação ao ano de 2020, que teve orçamento afetado pelos efeitos da pandemia do novo coronavírus, segundo a câmara municipal.

A LOA foi votada em dois turnos, após aprovação de 187 emendas do projeto.

Distribuição dos recursos

A secretaria com maior recurso para 2022 é a da saúde, com orçamento de R$ 355,4 milhões, 10% a mais do que em comparação a 2020.

Em seguida, vem a Secretaria de Educação com orçamento de R$ 248,6 milhões, 15% a mais do que em comparação ao ano passado, quando a pasta teve 9% de redução do orçamento.

A secretaria municipal de administração teve aumento de 103% no orçamento em comparação a 2020, de R$ 45,7 milhões para R$ 92,3 milhões. De acordo com o diretor orçamentário do município, Darlei Finkler, o aumento tem relação com a criação de fundo previdenciário para os servidores.

“O aumento é em decorrência de um aporte para o regime de previdência para a cobertura de déficit financeiro. Então do valor que está aí, são praticamente R$ 50 milhões destinados ao fundo de previdência dos servidores, que começou em abril de 2021, após aprovada legislação neste sentido”, disse.

A Secretaria da Juventude e a Secretaria de Desenvolvimento Comunitário também apresentaram aumento significativo no orçamento, de 102% e 169%, respectivamente.

O aumento no orçamento destas áreas é resultado de demandas da população apresentadas nas reuniões do Orçamento Participativo no decorrer de 2021, segundo o diretor orçamentário de Foz.

A Secretaria de Obras teve aumento de 100% no orçamento. Darlei explica que o acréscimo tem relação com a retomada de projeto da prefeitura de asfaltar ruas da cidade.

O orçamento também prevê emendas impositivas dos vereadores. Cada parlamentar poderá remanejar até R$ 895.035,19 para projetos sociais, entidades e obras. Metade do valor, no entanto, deve ser destinado obrigatoriamente para a área da saúde.

Veja a distribuição dos recursos por secretaria:

  • Saúde: R$ 355,4 milhões
  • Educação: R$ 248,6 milhões
  • Fazenda: R$ 65,8 milhões
  • Administração: R$ 92,3 milhões
  • Meio Ambiente: R$ 47,1 milhões
  • Obras: R$ 78,9 milhões
  • Assistência Social: R$ 40,7 milhões
  • Câmara de vereadores: R$ 32,5 milhões
  • Foztrans: R$ 17,5 milhões
  • Turismo, Indústria e Comércio: R$ 15,2 milhões
  • Esporte e Lazer: R$ 17,9 milhões
  • Fozhabita: R$ 12,4 milhões
  • Fundação Cultural: R$ 13,1 milhões


Fonte: G1


19/12/2021 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
ROTA SERTANEJA