NOTÍCIAS


Polícia prende em Foz do Iguaçu casal suspeito de se passar por agente do CCZ para cometer crimes | Oeste e Sudoeste


Um casal foi preso na manhã desta terça-feira (22) por suspeita de estar se passando por agentes do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) para cometer crimes, de acordo com o Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron).

A prisão foi no bairro Ouro Verde, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná.

De acordo com o sargento do BPFron, Fernando Ribeiro, uma equipe que fazia patrulhamento na região desconfiou da dupla – que estava vestida com as roupas de agentes do CCZ – por ser muito cedo para a realização de alguma ação do centro.

Além disso, segundo Fernando, há alguns dias houve registro de um assalto na região, onde pessoas entraram em uma residência se passando por trabalhadores da instituição.

“Eles estavam com uniforme completo para diminuir a suspeita em relação ao crime. Ninguém vai desconfiar de pessoas uniformizadas, com uniforme da prefeitura. Pelo horário, a gente acabou desconfiando e, munidos dessa informação de que há dez dias já havia acontecido um roubo, a gente resolveu abordar. Eles não estavam com crachá, nenhuma documentação do CCZ, também isso acabou levantando a suspeita”, explica o sargento.

Uma arma foi encontrada com o casal – o que, de acordo com a polícia, indica que eles iriam cometer algum crime.

Após a prisão, o batalhão fez contato com o CCZ, que confirmou que os dois não fazem parte do quadro de funcionários da entidade.

O caso é investigado pela Polícia Civil de Foz do Iguaçu.

De acordo com o CCZ, todos os agentes de endemias de Foz do Iguaçu andam uniformizados com camisa polo clara, calça e gandola verdes oliva, além de um crachá com identificação do centro.

Antes de realizar ações, conforme o CCZ, eles se reúnem em equipes no início da jornada acompanhados por um encarregado com veículo oficial devidamente caracterizado.

Caso os moradores tenham dúvidas ou insegurança sobre o agente fazer ou não parte do quadro de funcionários, o CCZ disponibilizou dois números para consulta:

  • (45) 2105-8730
  • (45) 99997-4448 (WhatsApp)

O CCZ lembra que as atividades do centro iniciam às 8h com término previsto às 14h.

Outras ações fora deste horário são previamente agendadas e, segundo o CCZ, só ocorrem em situações pontuais, como, por exemplo, retirada de enxame de abelhas.

O CCZ reforça a importância da colaboração de toda a população para que permita a entrada dos agentes do centro e que acompanhem este trabalho que é de extrema importância para a manutenção da saúde no município.



Fonte: G1


22/03/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
CONEXÃO 107