NOTÍCIAS


Quatro a cada 100 casas de Foz do Iguaçu têm focos do mosquito da dengue, mostra levantamento


A cada 100 casas visitadas pelo Controle de Zoonoses de Foz do Iguaçu, na região oeste do Paraná, quatro possuem focos do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue e outras doenças. A cidade está em estado de alerta para a dengue desde março.

Diante da emergência, a prefeitura reforçou ações de combate. Segundo o município, a cidade tem 240 casos de dengue confirmados.

Em uma das Unidades de Pronto Atendimento, as consultas diárias de pacientes com sintomas da doença passaram de quatro para 10, nas últimas duas semanas.

A professora Camila Pereira contou que ela e o pai dela estão com sintomas de dengue. Ela precisou procurar um posto de saúde dois dias seguidos.

“É horrível, dói o corpo, dói tudo. Você fica fraca. É bem ruim”, disse.

Perto de Foz do Iguaçu, ainda no oeste do Paraná, duas pessoas morreram vítimas da doença: uma mulher de 32 anos, que morava em Medianeira, e um homem de 87 anos, de Matelândia.

As mortes foram confirmadas pela Regional de Saúde de Foz do Iguaçu e ainda não foram contabilizadas no boletim da Secretaria de Estado da Saúde.

‘”A gente precisa muito da população neste momento, pra evitar que a dengue possa tomar conta de toda a nossa região”, disse a diretora da Regional de Saúde, Iélita Santos.

De acordo com o último boletim da dengue divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde, o Paraná tem 11.678 casos confirmados da doença desde agosto de 2021, quando começou o ano epidemiológico.

Segundo o balanço, os casos de dengue cresceram 50% na última semana.

Oficialmente pela secretaria, duas mortes foram confirmadas, em Arapongas e Nova Esperança, cidades do norte do estado.

Dos 399 municípios do Paraná, 258 já registram casos de dengue nos últimos oito meses.



Fonte: G1


06/04/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
CONEXÃO 107