NOTÍCIAS


Suspeito de matar estudante que tentou separar briga se apresenta à polícia, em Maringá


O homem suspeito de matar um estudante que tentou separar uma briga entre duas mulheres, em Maringá, no norte do Paraná, se apresentou à polícia na segunda-feira (28). De acordo com o delegado Diego de Almeida, que investiga o caso, ele confessou o crime.

Eliézer Croisfelt Gonçalves foi morto a tiros na madrugada de sábado (26) e era filho da professora e vereadora de Farol, Noemi Ester Croisfelt Gonçalves. Uma câmera de segurança registrou o momento da ação.

O suspeito disse em depoimento que agiu em legítima defesa, segundo a polícia. O homem afirmou ainda que estava na rua, ao lado da namorada, quando uma briga começou com uma mulher que ele não conhece.

Ainda no depoimento, o suspeito disse que dois homens tentaram separar a briga e começaram a agredir a namorada dele. Por causa disso, ele contou que deu um tiro para cima e, depois, disparou contra o estudante.

O suspeito tem passagens policiais, segundo a Polícia Civil, com uma prisão em 2014 por envolvimento com tráfico de drogas.

O homem não foi preso, uma vez que não há mais flagrante. O caso continua sendo investigado.

Imagem de câmera de segurança capturou o momento  — Foto: Reprodução

Imagem de câmera de segurança capturou o momento — Foto: Reprodução



Fonte: G1


29/03/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
MANHÃ 107