NOTÍCIAS


TCE-PR considera insuficientes explicações da Sesa sobre atraso na entrega de novos carros da Saúde


O Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) pediu mais esclarecimentos depois de considerar insuficiente as explicações dadas pela Secretaria de Estado da Saúde sobre o atraso na entrega de novos carros destinados para o programa Saúde da Família e da atenção primária no estado.

Conforme nova solicitação, a secretaria deve apresentar o cronograma de entrega dos veículos remanescentes, a relação de entrega dos carros já entregues, com data e município contemplado, além do acesso a todos os processos de doação.

Os veículos foram adquiridos com recursos do Governo do Paraná e custaram cerca de R$ 42 milhões aos cofres públicos.

Nos Campos Gerais do estado, mais de 100 carros chegaram a ficar quatro meses parados em estacionamentos. Eles foram entregues na última semana.

A RPC teve acesso às respostas dadas pela Sesa ao TCE.

No documento, a Secretaria de Saúde afirma que vários fatores resultaram na demora, como o atraso no envio de documentos pedidos pelos municípios, a falta de documentos e a limitação de pessoal para gerir os processos de doações dos carros.

Veja, abaixo, mais detalhes apresentados no documento.

A pasta ressaltou, ainda, que em apenas dois meses foram 1.236 veículos entregues.

Sobre as novas explicações, a Sesa afirmou que “vai responder os pontos adicionais elencados pelo TCE dentro do prazo estabelecido, ressaltando que a primeira etapa de entrega dos carros aos 399 municípios já foi concluída”.

TCE-PR considera insuficientes explicações da Sesa sobre atraso na entrega de novos carros da Saúde — Foto: Reprodução/RPC

TCE-PR considera insuficientes explicações da Sesa sobre atraso na entrega de novos carros da Saúde — Foto: Reprodução/RPC

Em uma tabela que consta no documento entregue pela Sesa, as datas de entrega dos carros para as regionais de saúde é apresentada, mas não os agendamentos para os municípios, como foi solicitado pelo TCE.

Por exemplo, a apresentação mostra que 65 carros foram entregues à regional de Ponta Grossa em 28 de outubro do ano passado, mas não aponta que foram repassados para os municípios em fevereiro deste ano.

Além disso, o documento registra ainda que 248 veículos estão em uma sede da pasta em Curitiba e aguardam para serem entregues. Não há especificação para qual município eles vão, mas aponta que a retirada deles pode ser feita até 15 de fevereiro.

Outros 15 carros aparecem como “não destinados”.

No documento, o secretário de saúde Beto Preto também informa que os carros foram doados às equipes da estratégia de saúde da família e da atenção primária e que devem ser usados exclusivamente por esses programas estaduais.



Fonte: G1


08/02/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
NATIVO E SERTANEJO