NOTÍCIAS


Transporte coletivo de Londrina volta a operar com 55% da frota, diz CMTU


O transporte coletivo de Londrina, no norte do Paraná, voltou a operar com 55% da frota, na tarde desta quinta-feira (3), segundo a Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização de Londrina (CMTU). Os funcionários estão no terceiro dia de greve.

A maioria dos trabalhadores do transporte público decidiu manter a paralisação dos ônibus durante assembleias realizadas na manhã desta quinta. Mesmo assim, parte dos funcionários voltou a trabalhar.

  • Justiça do Trabalho determina pagamento de benefícios para funcionários do transporte coletivo de Londrina

Os funcionários das empresas reclamam de atrasos no pagamento da participação de lucros e parte dos valores do vale-alimentação.

Uma audiência de conciliação, na quarta-feira (2), determinou o pagamento dos benefícios em até 20 dias, mas a categoria não concordou com o prazo estabelecido pela Justiça do Trabalho e, por isso, manteve a greve.

Entretanto, a Prefeitura de Londrina informou que cumpriu a decisão da Justiça ainda nesta quinta-feira, antes do prazo estabelecido.

Portanto, o valor de R$ 1,9 milhões, referente ao pagamento de benefícios dos trabalhadores, já está na conta das empresas para ser repassado aos funcionários, segundo o município.

Frota volta a operar, em Londrina — Foto: Prefeitura de Londrina

Frota volta a operar, em Londrina — Foto: Prefeitura de Londrina

A TCGL informou que, até as 13h, as seguintes linhas estavam rodando na cidade:

  • 501: Dois ônibus
  • 405: Dois ônibus
  • 406: Dois ônibus
  • 307: Dois ônibus
  • 314: Dois ônibus
  • 110/111: Dois ônibus
  • 311: Dois ônibus
  • 423: Um ônibus
  • 428: Um ônibus
  • 106: Dois ônibus
  • 308: Dois ônibus
  • 407: Dois ônibus
  • 112: Dois ônibus
  • 101: Um ônibus
  • 103: Um ônibus
  • 102/104: Um ônibus
  • 803: Dois ônibus
  • 904: Um ônibus
  • 404: Um ônibus
  • 415: Um ônibus
  • 806: Um ônibus

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Londrina (Sinttrol), que representa a categoria, apesar da votação da maioria, o sindicado não pode barrar nenhum funcionário de trabalhar.

Diante do grande retorno dos trabalhadores, com operação de 120 ônibus das duas concessionárias, o g1 procurou o sindicato para esclarecer se houve algum acordo com a categoria. Entretanto, até o momento, nenhuma informação foi divulgada a respeito.

Até o início da tarde desta quinta-feira não havia nenhuma decisão da Justiça para que os funcionários retomassem imediatamente ao trabalho.

Funcionários da Londrisul votaram pela manutenção da paralisação — Foto: Mônica Dau/RPC

Funcionários da Londrisul votaram pela manutenção da paralisação — Foto: Mônica Dau/RPC

Na tarde de quarta-feira (2), representantes das empresas, da prefeitura e da categoria se reuniram em uma audiência de conciliação convocada pela Justiça.

Após a audiência, o Sinttrol convocou assembleia com os trabalhadores.

Por parte dos funcionários da Londrisul, 141 pessoas votaram, sendo que 95 decidiram pela manutenção da paralisação.

Já por parte da TCGL, 243 funcionários votaram por continuar a greve, entre 267 pessoas.



Fonte: G1


03/03/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
NATIVO E SERTANEJO