NOTÍCIAS


Vídeo mostra momento em que bombeiro faz disparo que matou ex-jogador de futebol em Curitiba


O caso aconteceu no domingo (30), no bairro Novo Mundo.

De acordo com informações da PM, após cometer o crime, o bombeiro tirou a própria vida atirando contra si.

Valnei Menegusso foi morto no corredor do prédio onde estava com a ex-namorada do bombeiro, também militar da corporação.

Nas imagens é possível ver que o bombeiro chega até o apartamento e entra. Depois de algum tempo, os dois saem para o corredor e a vítima cai.

A cabo do Corpo de Bombeiros ainda tenta segurar o homem, mas ele vai até o corredor e atira contra Valnei, já no chão.

O Trieste Futebol Clube, clube onde a vítima foi atleta entre 1996 a 1999, lamentou a morte e ressaltou que Valnei era “amigo de todos”.

Bombeiro invade apartamento, agride ex-companheira, mata outro homem e se mata

Bombeiro invade apartamento, agride ex-companheira, mata outro homem e se mata

Por meio de nota, o Corpo de Bombeiros afirmou que presta todo o suporte e ampara a profissional da corporação. Ela está internada.

Além disso, a corporação afirmou que a militar receberá afastamento do serviço se for identificada a necessidade.

A identidade dos bombeiros envolvidos no caso não foi divulgada oficialmente.

Caso aconteceu no domingo (30) — Foto: Reprodução/Câmara de segurança

Caso aconteceu no domingo (30) — Foto: Reprodução/Câmara de segurança

Crime aconteceu no bairro Novo Mundo, neste domingo (30) — Foto: Wesley Cunha/RPC

Crime aconteceu no bairro Novo Mundo, neste domingo (30) — Foto: Wesley Cunha/RPC

O crime aconteceu no quarto andar. O bombeiro autor dos disparos, segundo a corporação, não morava no local.

Uma vizinha, que mora no andar de cima, disse que ouviu o momento em que os tiros foram disparados.

“Eu ouvi uma barulheira, como se fosse gente correndo. Na hora eu achei que fosse briga de casal. Aí eu ouvi barulhos, que agora sei que foram tiros. Tentei me comunicar com uma vizinha do quarto andar e só depois entendi o que tinha acontecido”.

De acordo com a testemunha, para entrar no prédio é necessário senha. Moradores suspeitam que o homem tenha aproveitado o momento em que um vizinho saía do condomínio para entrar.

Uma segunda testemunha disse que a vítima foi morta no corredor e o bombeiro, após cometer o crime, arrastou o corpo para dentro do apartamento da ex-companheira.

A vizinha disse, também, que após matar o homem, o suspeito agrediu a bombeira.

“Escutei o primeiro tiro, logo em seguida outros três. Os gritos dela, horrível. Eu olhei pela janela e vi o corpo estendido no corredor. Aí eu chamei a polícia, todo mundo ligou ao mesmo tempo. A polícia chegou muito rápido. E quando a polícia chegou, ele tava batendo nela. Quando a polícia invadiu, ele atirou de novo”.

O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios.



Fonte: G1


31/01/2022 – Rota do Sol FM

SEGUE A @ROTADOSOLFM

(45) 3287-1475

rotadosolfm@hotmail.com
Boa Vista da Aparecida – PR
Rua Celmo Miranda, 802 – Alto da Colina

NO AR:
CONEXÃO 107